Um espaço de discussão aberto aos associados e amigos do OBSC.
Terça-feira, 24 de Outubro de 2006
Iniciados 2ªDivisão - A SORTE ESTEVE COM OS DA CASA.

U.D.BUSTOS - 1 

 O.B.S.C. - 0

 
Campo: Dr.º. Santos Pato
 
Árbitro: Miguel Marques
Auxiliares: Tiago Pinho e Alves Pinho
 
 U.D.BUSTOS: Gonçalo; Nuno Vieira, Nuno Silva, Diogo Botelho (cap.), Henrique Oliveira, Henrique José, (Rui Miguel, 35m), Ricardo, (Tiago, 65m), Diogo Almeida, (Marcio, 47m), Gonçalo Ferreira, Jonathan, Ricardo Correia.
 
 
O.B.S.C: José Reis; João Carvalho, Marcelo Silva, (João Martins, 35m), Leandro, Daniel, João Santos, (Rafael Palma, 35m) Diogo Ministro, Artur, Paulinho, Rafael, Vítor Hugo.
Treinadores: Rui Neves e Daniel Sampaio
 
Ao intervalo: 0 – 0
Marcadores: Jonathan (56m)
 
No dia da inauguração do seu relvado sintético o Bustos começou melhor a partida beneficiando de alguma desconcentração do Oliveira do Bairro, efectuou  2 ou 3 remates frontais à baliza, que acabaram por não acertar no alvo.
A partir destes lances o Oliveira do Bairro melhorou um pouco o seu jogo, equilibrou a partida e dispôs de algumas oportunidades para inaugurar o marcador.
Na fase inicial da 2ª parte o O.B.S.C manteve a mesma postura com que acabou a 1ª parte. O jogo continuou equilibrado mas a sorte estava do lado do Bustos e aos 56m aproveitando uma falha do Oliveira do Bairro fez o golo.  Perto do final da partida os FALCÕES estiveram perto de fazer o golo com um remate dentro da pequena área ao qual o guarda redes do Bustos negou com uma boa defesa.
Arbitragem: 2 lances duvidosos com prejuízo para o Oliveira do Bairro nomeadamente uma possível grande penalidade na 1ª parte e outra na 2ª
 
Nota final: É de lamentar que  tenha sido feita  a inspecção ás instalações desportivas do Bustos pelos Órgãos competentes, tendo-lhes dado o aval, quando os atletas no dia do jogo encontraram o balneário com falta de cabides e  insuficiência de bancos. Além disso também o banco dos suplentes não tinha assento.
 
 
                                                                
                                                                                         A. Costa


publicado por obsc às 11:00
link do post | comentar | favorito

Segunda-feira, 23 de Outubro de 2006
Esclarecimeto: O golo do Oliveira do Bairro é limpo!

Acerca do jogo, Oliveira do Bairro - Penalva do Castelo, realizado ontem, escrevi o seguinte, no DesportoAveiro:

«Golo que surgiria aos 73 minutos, por intermédio de Luís Barreto, que apesar de algo irregular, voltou a mostrar que é o melhor dos avançados que nos últimos anos passou por Oliveira do Bairro. O golo é de autoria do ponta de lança mas o mérito também que ser atribuído a Fábio, que na primeira vez que tocou na bola (tinha acabado de substituir Leandro), ultrapassou Penetra pela direita e assistiu Luís Barreto para o remate que decidiu a partida. »

Era precisamente isto que deveria ter saído na crónica ao jogo, hoje publicada no Diário de Aveiro. E não foi. Erradamente, e sem qualquer responsabilidade minha, saíu publicado que o golo do Luis Barreto foi obtido em posição irregular. E claro que não foi.

Repito: o que veio publicado não foi escrito por mim, mas ainda assim, os meus pedidos de desculpa ao Oliveira do Bairro.

Pedro Neves


 



publicado por obsc às 23:51
link do post | comentar | favorito

Séniores - QUE GRANDE JOGO DE FUTEBOL!

OBSC - 1

Penalva do Castelo - 0

Que grande jogo de futebol! Mesmo com o terreno bastante encharcado, as duas equipas proporcionaram um excelente espectáculo, com muitas ocasiões de golo e com vencedor incerto até ao último minuto. O OBSC venceu bem, até porque foi a equipa que criou mais situações para marcar (e foram mesmo muitas!), mas o Penalva do Castelo mostrou porque razão ainda não tinha perdido nenhum jogo, podendo até queixar-se de alguma falta de sorte, já que enviou três bolas aos postes da baliza defendida pelo veterano Mário Júlio.
Os visitantes entraram melhor na partida, mas o OBSC reagiu rapidamente e foi claramente a melhor equipa no primeiro tempo. Os primeiros quarenta e cinco minutos já deixavam antever uma exibição como há muito não se via na formação «alvi-negra»! Futebol apoiado, rápido, sempre com a bola rente à relva e, acima de tudo, a proporcionar muitas situações de perigo junto à baliza contrária.

Segundo tempo ao mesmo nível.

 
A primeira parte foi muito boa mas o segundo tempo não foi pior. A equipa da casa foi sempre quem tomou a iniciativa do jogo, mas a formação beirã, explorando bem o contra-ataque, também nunca deixou de procurar o golo.
Golo que surgiria aos 73 minutos, por intermédio de Luís Barreto, que apesar de algo irregular, voltou a mostrar que é o melhor dos avançados que nos últimos anos passou por OBSC. O golo é de autoria do ponta de lança mas o mérito também que ser atribuído a Fábio, que na primeira vez que tocou na bola (tinha acabado de substituir Leandro), ultrapassou Penetra pela direita e assistiu Luís Barreto para o remate que decidiu a partida.
O mesmo Luís Barreto, já no período de compensação, ainda poderia ter aumentado a vantagem, o que acontecer teria sido demasiado penalizador para o Penalva do Castelo, que já em situação de desvantagem, só não empatou por manifesta infelicidade.
Num grande espectáculo de futebol, a arbitragem realizou um trabalho positivo, embora tenhamos ficado com duvidas num lance ocorrido na grande área do Penalva do castelo, possivelmente, passível de grande penalidade.

 

OBSC:

Mário Julio, Paulo Costa, Paulinho, Gabriel, Jean, Barreto, Carlos Miguel, Tó Miguel, Alexis, Gabriel e Leandro.

Substituições: Gabriel por Hugo Justiça(45m), Leandro por Fábio(72m) e Carlos Miguel por Tó Jó(89m).

 

Penalva do Castelo:

Nuno, Rogério, Mário Pedro, Sérgio, Penetra, Marco, Paulo Listra, Lopes, Gilberto, Tójó e Gamarra

Substituições: Marco Pedro por Beto(77m), Lopes por Roberto(77m) e Penetra por Vaz Pinto(85m).

Marcadores: Luis Barreto(73m). 

 



publicado por obsc às 23:29
link do post | comentar | favorito

Escolas B - BOA ENTREGA

OBSC - 2

GD Calvão - 3

Jogaram: João, André, Airton, Miguel, Vasco, Bruno, Rodrigo, Gonçalo, Pires, Luca, Carlos Pedro.

Treinador: Filipe

BOA ENTREGA!

Os Falcõeszinhos apresentaram-se um pouco tímidos, pois 10 dos 12 jogadores faziam a sua estreia em jogos oficiais, daí a timidez dos pequenos jogadores.

O jogo foi sempre bem disputado, mas o Calvão acabou por ganhar o jogo, mas estes falcõeszinhos deram boas indicações para futuros jogos.

Felicidades.

João Martins



publicado por obsc às 23:24
link do post | comentar | favorito

Juvenis - BEIRA-MAR - 4 vs OBSC - 2
BEIRA-MAR - 4 vs OBSC - 2

Jogo disputado no relvado em Oliveirinha

OBSC: Ricardo; D.joão; Daniel; Mário (Xico 61); Cerca; Duarte (Helder 67);
B.Tavares; B.vieira;Ivo (Mendonça 40); Alexandre; Gravato.

         Um jogo de futebol é disputado por norma por duas equipas e, uma
terceira que zela pelo normal desenrolar do respectivo. Para isso beneficia
de autoridade competente para colocar em prática todas as regras defenidas
préviamente no sentido de o mesmo se realizar, sem que factores extras
possam influenciar o resultado final. São vários os factores que podem
condicionar o resultado final ex: ( tempo, ou a mal aplicação das regras e
outros...). Isto para dizer que no passado Domingo não houve verdade
desportiva, porque um desses factores condicionou o resultado final.
         O jogo começou com a equipa Falcojuvenil a perder pois aos 26s, já
tinha sofrido um golo, fruto de alguma inadaptação ao estado do relvado. Não
perderam a cabeça e minuto a minuto foram equilibrando o jogo. Com um
futebol que visava o ataque rápido e contra ataque explorando algum
desacerto do ultimo reduto da equipa contrária iam criando situações de
apuro. 1º com um belo remate de meia distância de Cerca ao qual correspondeu
com uma brilhante defesa o GR contrário.No seguimento de um lance todo ele
em velocidade Gravato com um excelente remate coloca a bola no fundo da
baliza iam decorridos 24´.Ainda saboreavam o golo de empate os Falcojuvenis
quando na transformação de um pontapé de canto Daniel dava o melhor
seguimento à bola colocando a equipa em vantagem. O Beira-Mar não desarmava
e através de um futebol que passava por explorar os corredores laterais com
muita mobilidade do seu Ponta, iria chegar a igualdade quando iam decorridos
30´.Resultado que se ajustava face ao desempenho das duas equipas. Após o
intervalo as equipas apreceram mais equilibradas o estado do terreno de jogo
também ia ficando cada vez pior e o jogo era disputado por todos com grande
voluntariedade mas nem por isso bem jogado. Ao minuto 60´dá-se o caso do
jogo quando os jovens Falcojuvenis após uma excelente jogada de contra
ataque, Gravato isola-se tendo só pela frente o GR adversário, este ao sair
da baliza após Gravato tocar-lhe a bola por um lado e a ir buscar pelo o
outro, não conseguiu evitar que o GR cometesse falta para grande penalidade,
mas que o respectivo árbitro não sancionou. Aproveitaria o Beira-Mar para
atrvés de um pontapé de canto colocar-se novamente em vantagem. O Beira-Mar
chegaria ao 4 golo outra vez na marcação de um pontapé de canto mas desta
vez o respectivo canto não existiu iam decorridos 66´.Até ao final a equipa
dos Falcojuvenis ainda teve duas boas oportunidades através de Mendonça mas
não conseguiu concretizar.
       Resultado injusto face à excelente atitude da equipa penalizada por
um erro grosseiro que ditou o resultado final.
O MELHOR: a atitude do grupo e a forma como esteve estruturada a equipa.
O PIOR: o estado do terreno e outros factores ...


publicado por obsc às 15:32
link do post | comentar | favorito

Sexta-feira, 20 de Outubro de 2006
Séniores - Notícias
Observação
Os júniores continuam em observação pela equipa técnica.

Jogo treino
O jogo treino agendado com o União de Coimbra para quinta-feira foi adiado devido ao mau tempo e à necessidade de dar algum descanso ao relvado do Estádio Municipal.

Próxima jornada
No próximo domingo, pelas 15 horas, o OBSC recebe o Penalva do Castelo e a Comissão Administrativa pede aos simpatizantes do clube para se deslocarem em massa ao Estádio Municipal para apoiar a equipa, tornando-se o tão necessário 12º jogador.


publicado por obsc às 15:30
link do post | comentar | favorito

Séniores - Boletim clínico
O OBSC continua a debater-se com algumas lesões. Além de Paulo Costa e Rui Pataco, lesionaram-se Justiça, Dani e Vitinha. Os dois primeiros têm lesões de índole muscular (contractura e traumatismo no gémeo) que não serão de muita gravidade: O caso do Vitinha é bem mais grave pois sofreu "entrada" maldosa em Avanca e sofreu uma fractura numa costela originado, assim, uma paragem prolongada. A situação do Paulo Costa está a evoluir favoravelmente e em breve poderá dar o seu contributo à equipa.
Rui Pataco tem a intervenção cirúrgica (operação ao ligamento cruzado anterior) marcada  para 27 de Outubro em Coimbra.  Desejamos que tudo corra bem e que o OBSC possa contar rapidamente com os seus serviços.


publicado por obsc às 15:29
link do post | comentar | favorito

Quarta-feira, 18 de Outubro de 2006
JUVENIS - Equipa firme, dedicada e empenhada.
CAMPEONATO DISTRITAL JUVENIS 1º DIVISÃO

JORNADA Nº 5

EQUIPA FIRME, DEDICADA E EMPENHADA:

OBSC - 1  vs U. D. OLIVEIRENSE - 0

OBSC:
RICARDO ; D. JOÃO ; J. PEDRO ; MÁRIO JORGE ; CERCA ; DANIEL : DUARTE ; B.
TAVARES ( MENDONÇA 65´) ; GRAVATO ( XICO 75´) ; B. VIEIRA ( HELDER 70´) ;
ALEXANDRE.

SUPLENTES: MARCELO(GR) ; IVO ; LUIS M. ; AXEL.

Os Falcojuvenis defrontavam nesta jornada um dos sérios candidatos à subida
de divisão e, que até esta jornada não tinha perdido. Antevia-se um jogo
dificil para a equipa da casa o que acabou por acontecer.
o inicio de jogo pertenceu à equipa forasteira que aos 15´numa jogada de
alguma confusão  junto à baliza de Ricardo poderiam ter obtido golo. Aos
poucos os Falcojuvenis foram equilibrando o jogo mercê de grande atitude e
espirito de grupo, não praticando grande futebol mas empenhados em chegar ao
golo. E, foi num lance em que o "baixinho" Duarte recuperou uma bola e de
imediato cruzou para a àrea, onde apareceu B. Vieira de cabeça a dar o
melhor seguimento, obtendo o unico golo da partida iam decorridos 35´.
A segunda parte em termos de jogo praticado por ambas as equipas não foi o
melhor, pois, assistiu-se a um jogo de muito empenho de ambas as partes mas
nem sempre bem jogado. Os Flcojuvenis tacticamente bem disciplinados
retiraram profundidade ao jogo da equipa visitante, tendo esta enormes
dificuldades para penetrar no ultimo reduto. Esteve mais perto a equipa dos
Falcojuvenis do 2-0 em lances de B. Tavares que na cobrança de um livre
enviou a bola à barra e, de Mendonça que após assistência B. Vieira e só com
o GR pela frente não conseguiu finalizar com êxito.

O MELHOR: o espirito de equipa, humildade e atitude.
O PIOR: o futebol praticado que só a espaços foi bem jogado por ambas as
equipas.

CADA JOGO É UM JOGO O QUE DEVEMOS MANTER É SEMPRE A MESMA ATITUDE.



publicado por obsc às 14:13
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

Terça-feira, 17 de Outubro de 2006
JUNIORES – Regresso às vitórias
O.B.S.C. – 2
A.D. TABOEIRA – 1
 
 
OBSC: Flávio, Zé, Leandro, Cristiano, Albertino, Yala, Alexandre, Tiago Pinto, Diogo, Barros e Cruz.
 
Jogaram ainda: Vitinho, Simão e Simões.
 
Mais um jogo para o Campeonato de Juniores da 1ª Divisão Distrital de Aveiro, desta vez a opor as equipas do O.B.S.C. e da Taboeira, contando para a 5ª jornada.
 
Os jovens falcões haviam perdido na jornada antecedente, frente ao Gafanha e por isso poderia pensar-se que estariam com a “moral” em baixa. Mas não, estes “craques” arranjam forças para ultrapassar as barreiras que lhes aparecem pelo caminho e a demonstração está na vitória frente ao 3º classificado (até então), o Taboeira.
Era um jogo difícil, já se previa, mas os falcões começaram muito bem o jogo, com garra e fazendo algumas jogadas a que já nos habituaram, podendo ter marcado por duas ou três vezes logo nos primeiros minutos. O Taboeira apenas incomodava Flávio em jogadas de contra-ataque.
O 1º golo da equipa da casa (O.B.S.C.) chegou a meio da 1ª parte, por intermédio de Barros, numa jogada de insistência do mesmo e de Diogo. A partir do golo a equipa acomodou-se um pouco, deixando a equipa forasteira jogar e trocar mais a bola, mas sem deixar que esta criasse qualquer perigo, chegando o intervalo.
A 2ª parte foi disputada de parte a parte, com um futebol não tão bonito e apenas há para contar os golos no final dos 90 minutos. O 2-0 num livre soberbo de Simão e na reposição de bola, com os falcões ainda a festejarem, nasce um pénalti “inventado” que termina o jogo com o resultado de 2-1.
 

Valeu pelo resultado e vamos continuar a apoiar este jovens. Força.



publicado por obsc às 18:10
link do post | comentar | favorito

Iniciados 2ª Divisão - Entrar com o Pé direito.
Iniciados – 2ª Divisão Série G
 
 
Entrar com o pé direito!
 
 O.B.S.C., 2 – L.A.A.C. 0
 
Campo S. Sebastião em Oliveira do Bairro.
 
Árbitro: Ivo Neto
Auxiliares: Ana Amorim e Ricardo Maia
 
 O.B.S.C: José Reis; (Diogo Clemente, 61m), João Santos, Marcelo Silva, Vítor Hugo (cap.), João Pedro, Diogo Ministro, Paulinho, Rafael Cardoso, Daniel, Dany, (Miguel, 53m), David, (Rafael Palma, 35m).
Treinadores: Rui Neves e Abel 
 
L.A.A.C: Ricardo;Miguel Coelho, (Diogo, 40m), Tiago, (Bruno, 70m), José Nuno (cap.), Daniel, Rafael, Fábio Reis, Miguel Ângelo, João Pedro, João Gonçalo, Fábio
Treinador: António Castanheira
 
Ao intervalo: 2 – 0
Marcadores: Daniel (2m e 10m)
 
Jogo de estreia desta equipa do Oliveira do Bairro com merecida vitória.
Uma primeira parte que começou bem com um golo madrugador, que veio tranquilizar os falcões, e deste modo controlar o jogo com alguns bons pormenores, acabando por conseguir o segundo golo e manter o resultado até ao final da primeira parte.
Na segunda parte a equipa baixou um pouco de rendimento, acabando a L.A.A.C por equilibrar um pouco o jogo. No geral o Oliveira do Bairro trabalhou para justificar a vitória, tendo em conta o plantel limitado de Nº de atletas. De notar alguns desacertos, o que e normal para principio de época.
A L.A.A.C foi um digno vencido porque nunca baixou os braços, mesmo estando em desvantagem no marcador por 2 golos, na fase inicial do jogo, sempre procurando  o golo até ao final do encontro.
 
                                                                 
                                                                                         A. Costa


publicado por obsc às 10:35
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Um pouco mais acerca do OBSC
pesquisar
 
Dezembro 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
25
26
27
28
29

30
31


posts recentes

Iniciados – 2ª Divisão Sé...

Iniciados – 1ª Divisão Zo...

INFANTIS ”B” - OBSC – 11 ...

Iniciados – 2ª Divisão Sé...

Iniciados – 1ª Divisão Zo...

INFANTIS ”B” - OBSC – 11 ...

CAMPEONATO DISTRITAL DE J...

Juvenis - A.D. OVARENSE: ...

Iniciados – 2ª Divisão Sé...

INFANTIS “B” - ANADIA F.C...

arquivos

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Abril 2006

Fevereiro 2006

Dezembro 2005

Setembro 2005

Julho 2005

Junho 2005

links
Fazer olhinhos
Dezembro 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
25
26
27
28
29

30
31